Fundac anuncia concurso após denúncia por descumprir TAC

Fundac
Fundac (Foto: Reprodução/Google Street View)




A Fundação Desenvolvimento da Criança e do Adolescente Alice de Almeida (Fundac) e o Governo do Estado foram denunciados pelo Ministério Público de Contas da Paraíba (MPC-PB) ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) por descumprimento de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em 2016, assim como o Termo Aditivo. O termo de compromisso previa a regularização da situação jurídica dos Agentes Socioeducativos do local.
Já o Termo Aditivo ampliou os limites para cumprimento da TAC, indicando o ano de 2018 como o prazo final para a realização do concurso público de provimento dos cargos dos agentes, o que não ocorreu, segundo o MPC.
A representação encontra-se sob a relatoria do Conselheiro Substituto Renato Sérgio Santiago Melo e, ao final, caso seja reconhecido pelo TCE o descumprimento da TAC, “serão adotadas as providências devidas para a execução da multa por descumprimento. Nada impede, porém, que o fato gere consequências no âmbito das contas dos gestores envolvidos”, diz o processo.

Fundac

Ao Portal Correio, a Fundac informou que não foi notificada sobre a representação do MPC, mas o presidente da fundação, Noaldo Meireles, disse que se reuniu nessa quarta (4) com alguns órgãos para definir o cronograma do concurso. “O lançamento do edital ficou para agosto de 2019 e as contratações dos concursados a partir de julho de 2020”.

FERNANDO COUTINHO - NAÇÃORURALISTA.

Postar um comentário

0 Comentários