Filho de Marcelo Queiroga nega esquema na Saúde: ‘Narrativa criminosa da mídia’

 

O  estudante de medicina Antônio Cristóvão Neto, filho do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, negou intermediar liberação de recursos federais para municípios paraibanos. ‘Queiroguinha’, que é pré-candidato a deputado federal, afirmou ser vítima de uma narrativa criminosa da mídia.

“Nós que estamos ao lado do presidente Bolsonaro sofremos com narrativas mentirosas de grande parte da mídia que não busca informar e sim desinformar. Essa é mais uma narrativa criminosa desse tipo de gente. O juiz de toda razão, que é o tempo, mostrará que isso não existe”, disse Queiroguinha em entrevista ao Portal MaisPB durante entrevista na abertura do São João de Campina Grande.

Sobre sua participação em solenidades do governo federal, ele esclareceu que qualquer cidadão pode participar. “Querem criar uma narrativa falaciosa para denegrir quem é sério”, avaliou.

A Procuradoria Geral da República chegou a ser acionada para investigar a atuação de Queiroguinha no Ministério da Saúde.

“Não aguentam ver o trabalho do presidente Bolsonaro e do ministro Marcelo Queiroga e saber que nesse governo não existe corrupção”, concluiu o pré-candidato.

MaisPB

Postar um comentário

0 Comentários