Ciclone Yakecan provoca naufrágio de barco e homem morre no RS

 

O ciclone Yakecan, que começa a atingir o sul do país, já fez uma vítima. Ademar Silveira da Silva,de 51 anos, estava em um barco com outros dois tripulantes que naufragou na noite desta segunda-feira (16), no Lago Guaíba, em Porto Alegre.

O corpo de Ademar  ficou desaparecido durante toda a madrugada e teve seu corpo encontrado na manhã desta terça-feira pelo corpo de bombeiros, na Fazenda Arroio Grande, na Zona Sul da capital.

Antes, durante a tarde, um homem de 24 anos morreu  depois que uma palmeira caiu no telhado de sua casa em decorrência dos ventos de até 130 km/h que atingem o país.

Os ventos também têm trazido outros transtornos para o Rio Grande do Sul. Em Santana de Jerônimo foram registrados quedas de galhos e, em Hermenegildo, um veículo foi arrastado para o mar com a forte ressaca registrada no local.

No início da tarde desta terça-feira (17), a  prefeitura de Porto Alegre está realizou uma  reunião de emergência para discutir os possíveis estragos do ciclone subtropical que chega ao Sul do país. A  previsão para as últimas horas é de ventos fortes, chuva, geada e neve.

Serão distribuídos cobertores, colchões e travesseiros e disponibilização de vagas em abrigos e albergues para a população de rua.

MaisPB

Postar um comentário

0 Comentários