Após admitir sentar com Lula, Romero revela que pode se engajar na campanha de Bolsonaro na Paraíba

 


O ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSC), ao comentar a recente fala do presidente Jair Bolsonaro (PL), que citou seu nome ao falar a apoiadores na semana passada, que virá a Campina Grande, participar do São João, Romero admitiu se engajar na postulação de Bolsonaro. Romero deu uma ré no que tinha falado ainda quando presidiu o PSDF, em agosto do ano passado, quando admitiu poder votar em Lula.

“A gente fica feliz em ter o nome lembrado pelo presidente da República, ainda mais quando se está sem mandato, para alguns se torne esquecido. Ele vindo a Campina Grande, provavelmente dia 19 de junho e vamos nos encontrar e acompanhá-lo”, disse. Não se sabe ainda se Romero vai estar na comitiva de Bolsonaro na vinda dele nesta quinta-feira (05), a Paraíba.

Ainda segundo Romero, ele admitiu participar da campanha do presidente na Paraíba. “Não medida do possível, vamos contribuir sim. Fazer a boa política, ajudar o Brasil a seguir em frente”. Já com relação ao PSC, Romero falou que o partido é democrático e vai respeitar as posições tomadas pelos seus filiados.

Em agosto de 2021, Romero quando questionado admitia conversar com o ex-presidente Lula (PT), principal adversário político do presidente Jair Bolsonaro. “A gente tem um pensamento e uma personalidade que as pessoas conhecem. Dentro do meu caráter de personalidade, a gente está aberto a conversar com quem quer que seja. Isso não significa dizer que vamos seguir ou apoiar. Graças a Deus eu não sou brigado com ninguém, as pessoas conhecem minha linha política”, enfatizava.

Romero deu apoio à eleição de Bolsonaro em 2018 e enquanto esteve à frente da gestão da Rainha da Borborema, caminhou alinhado com o Governo Federal.

PBAGORA

Postar um comentário

0 Comentários