Artilheiro da competição, paraibano Hulk chega à final do Campeonato Mineiro pelo Atlético-MG

 


O jogador paraibano Hulk, realmente está numa das suas melhores fases da vida profissional, o jogador que já passou pelas principais ligas no futebol mantém uma média de gols dos goleadores europeus. O camisa 7 do Galo chega à final do Campeonato Mineiro, neste sábado, com 24 gols nos últimos 25 jogos.

Obviamente, não é possível comparar o nível de exigência do esporte praticado em diferentes mercados, com competitividade em prateleiras distintas. Por outro lado, aos 35 anos, Hulk virou ídolo consagrado do Atlético e tem uma sequência invejável de bolas nas redes. No Estadual, são 8 gols marcados, e caminha para ser o artilheiro.

Fazendo um recorte menor, entre 10 de novembro e 2 de abril, Hulk só não marcou gols em dois jogos: Athletico-PR, pelo 2º turno do Brasileiro, e América-MG, na primeira fase do Campeonato Mineiro. São 19 gols em 17 jogos neste período de reta final com títulos do ano passado, e a arrancada de 2022.

A nível mundial, Cristiano Ronaldo e Messi, da mesma geração de Hulk (fim dos anos 1980), estão em outro estágio da carreira. CR7, no Manchester United, fez “apenas” 13 gols nos últimos 25 jogos pelo clube. Já o argentino tem assistências empilhadas no PSG, mas com 7 gols nas mesmas 25 partidas.

Quem impressiona mesmo é Robert Lewandovski. Não à toa foi eleito duas vezes o melhor do mundo pela Fifa. Em 2021/22, são 29 gols nos últimos 25 jogos. Média de 1,16 gol por jogo, só pelo Bayern de Munique. Erling Haaland, que está na mira de Real Madrid e Man City, tem 23 gols em 23 jogos no Borussia Dortmund.

Hulk ficou suspenso na última rodada do Campeonato Mineiro, diante da Caldense, no domingo passado. No jogo anterior, ida da semifinal, fez os dois gols da vitória de 2 a 0 contra a Veterana. Foi o nono “doblete” (dois gols num jogo) do artilheiro no Atlético.

Na carreira, Hulk soma 413 gols em 762 jogos na carreira (considerando amistosos). Pelo Galo, são 45 gols em 76 jogos

PBAGORA com G1

Postar um comentário

0 Comentários