Medidas sanitárias ajudam a reduzir transmissão da ômicron em Soledade

 


Com 115 casos ativos da Covid-19 registrados pela secretaria de saúde, o município registrou a primeira redução de ocorrências desde o surgimento da variante ‘ômicron’.

Neste mês de fevereiro, a cidade chegou a ter, por dia, o diagnóstico de 40 casos, número muito acima do registrado no boletim da última quinta-feira (17), que apontou apenas 13 novas ocorrências.

De acordo com o prefeito Geraldo Moura Ramos (Progressistas), a gestão tem tomado medidas sanitárias para evitar a transmissão do vírus e conter uma nova onda da doença.

Entre as providências tomadas, estão a redução do horário de funcionamento de estabelecimentos e diminuição do público; proibição de eventos e festas na cidade e uso obrigatório da máscara facial em todo o território.

As resoluções foram divulgadas em decreto municipal, que foi renovado na terça-feira (15).

A fiscalização em relação ao cumprimento das medidas é feita pela Vigilância Sanitária, juntamente com a guarda municipal, que visita os pontos comerciais e aplica notificação e multas quando há descumprimento das normas.

Diretora do órgão no município, Sabrina Lima, explica que as medidas foram fundamentais para a redução dos casos, incluindo a testagem em massa da população.

“A partir do diagnóstico de casos suspeitos conseguimos avançar para que o isolamento seja cumprido. Contamos com o apoio dos profissionais da atenção básica – agentes comunitários de saúde – para o auxílio no monitoramento dos casos confirmados”, explica.

Prevenção entre os servidores

A diretora ressalta que para reduzir as chances de contaminação entre os trabalhadores da administração pública, houve redução dos horários de alguns setores, testagem entre os empregados e afastamento imediato dos contaminados.

Adesão da população

Parte da população ainda resiste às medidas de contenção ao vírus, o que pode contribuir para o aumento dos casos.

Sabrina detalha que a vigilância tem orientado a população e buscado conscientizar sobre a importância de seguir aos regulamentos para evitar que haja um novo aumento de ocorrências.

Boletim

Até a última quarta-feira (16), Soledade registrou 2.068 casos da Covid-19 desde o aumento da covid-19, sendo 115 ativos; 1.933 recuperados; 3.790 descartados e 20 mortes pela doença.


VITRINE DO CARIRI

Postar um comentário

0 Comentários