Herpes no BBB: saiba mais da infecção viral de Eliezer e o perigo de transmissão

 

Foto: Reprodução/Globo

Um levantamento feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que 67% da população abaixo dos 50 anos têm herpes, o que corresponde a 3,7 bilhões de pessoas.

A infecção ganhou destaque na última semana devido ao participante Eliezer do Big Brother Brasil 22 apresentar feridas na boca e beijar participantes do reality.

Infectologista do Sistema Hapvida, a médica Silvia Fonseca explica que o correto é evitar qualquer tipo de contato físico com outras pessoas para evitar a transmissão.

A especialista ressalta que a herpes integra uma grande família de vírus e os sintomas costumam ser as bolhas e erupções na pele, que aparecem na boca e na área genital, a depender de qual seja o tipo da doença manifestada.

A febre e o mal estar também podem acontecer na primeira vez de contágio e os sintomas podem sumir sozinhos.

“Normalmente, o vírus que faz bolha na boca é na infância, em bebês, e é transmitido por contato; já quando há feridas na área genital a transmissão costuma ser por relação sexual”, relata.

Enquanto no programa o designer não manteve os cuidados necessários, a infectologista alerta para a importância de tratar a doença e evitar que ela seja repassada para outras pessoas.

Não é recomendado compartilhar copos, talheres, nem beijar. O recomendado, conforme a médica, é manter o local da infecção coberto.

“Quem tem uma boa imunidade costuma apresentar apenas algumas feridinhas, mas pessoas com imunidade baixa, principalmente bebês, podem desenvolver um agravamento com doenças graves e sérias”, afirmou.

Ao perceber os ferimentos, a especialista indica que não seja feita nenhuma intervenção em casa, nem se mexa na lesão. O correto é passar por atendimento médico. Os tratamentos podem ser feitos em caso de recorrência ou já na primeira contaminação.

De acordo com o apresentador do Big Brother, Tadeu Schmidt, Eliezer foi atendido pela equipe médica do programa, que o havia orientado sobre os cuidados necessários.

Após o episódio na festa, que ocorreu na última semana, o jornalista garantiu que o confinado será lembrado novamente das medidas necessárias para conter o vírus.


PARAIBA ONLINE COM ASOM

Postar um comentário

0 Comentários