Solicitação de deputada provoca recesso na Assembleia Legislativa

Os trabalhos em plenário na Assembleia Legislativa foram suspensos ontem após a solene abertura do período ordinário, diante da cobrança da deputada Cida Ramos (PSB) para que seja assegurada a sua mobilidade em plenário.
Foto: Paraibaonline
Foto: Paraibaonline
Segundo ela, a tribuna da Casa a impede de olhar para as pessoas presentes, como também é impraticável o seu deslocamento até esse local diante dos batentes existentes.
A suspensão foi estimada em 15 dias. Não custa citar que Cida foi eleita na primeira semana de outubro do ano passado – ou seja, todos sabiam de sua presença em plenário.
Por outro lado, faz poucas semanas que houve a inauguração festiva das amplas e milionárias reformas feitas na ALPB, inclusive, com a visita às obras da própria Cida.
Parte da bancada de oposição entendeu que a parlamentar do PSB poderia temporariamente usar os microfones da bancada para se pronunciar ou que a Assembleia poderia funcionar provisoriamente noutro local.
E que a suspensão teria a finalidade de ´esfriar´ o ambiente político devido às denúncias feitas contra a administração estadual.
*fonte: coluna Aparte, com o jornalista Arimatéa Souza

Paraiba ONline

Postar um comentário

0 Comentários