Filho confessa ter assassinado o próprio pai e diz que cometeu o crime porque foi ameaçado por ele

Um adolescente de 14 anos confessou ter matado o próprio pai, no município de Várzea, na Paraíba. O crime aconteceu na madrugada deste domingo (2) quando o homem foi baleado na cabeça.
O homicídio foi em um assentamento do Movimento Sem Terra (MST) na região. Ele teria confessado aos policiais que esperou o pai dormir e o matou.
O motivo teria sido a ameaça de agressão que o homem fez ao menor na noite anterior, em uma discussão entre eles.
O adolescente foi levado para a delegacia em Santa Luzia.

Paraiba.com.br 

Postar um comentário

0 Comentários