Alunos vencem Campeonato Latinoamericano

Os alunos da Rede Municipal de João Pessoa conquistaram o primeiro lugar no ‘Campeonato Latinoamericano de Robótica 2018’. A vitória foi da equipe Fênix, da Escola Municipal Duque de Caxias, no bairro do Costa e Silva, que participará da Robocup Junior 2019, etapa mundial, na Austrália. A competição aconteceu neste sábado (10), no Centro de Convenções da Capital.
Com o título “Que país é esse?”, os alunos Thallyson Alexandre da Silva, Williams Mendes da Silva, Henrique Luis da Silva Barbosa e Stephanny Almeida Barbosa fizeram bonito na modalidade OnStage inicial (dança com robôs), que reúne robôs com humanos, vestido com roupas e se movimentando de maneira criativa, interativa e colaborativa, podendo utilizar encenações teatrais e musicais. A equipe campeã foi direcionada pelo professor Tiago dos Santos.
Já o segundo lugar ficou com a equipe Chapeleiro Maluco, que é formada pelos alunos Arthur Telles, Miguel Monteiro e João Victor da Silva. Os campeões são da Escola Municipal Antônio Santos Coelho Neto, na Penha. Essa equipe foi coordenada pela professora Ana Beatriz M. S Araújo e teve o tema “O chapeleiro Maluco: um elo entre a Robótica e a literatura de Lewis Carroll”.
Os estudantes João Victor dos Santos Ferreira, Jean Kelci Souza Júnior, Arthur Farias, Alyson Avelino e Pedro Belo ficaram em terceiro lugar na categoria OnStage secundário. A equipe Gigantes de Aço, que contou com o tema “Eles não ligam pra gente”, teve a liderança do professor Crismarkes Ferreira dos Santos.
Para a coordenadora da Róbotica Educacional da Secretaria de Educação e Cultura de João Pessoa (Sedec-JP), Sineide Andrade, o resultado é fruto da dedicação das crianças e de monitores. “O resultado foi bastante satisfatório. É saber que cada aluno é protagonista ao competir e representar suas escolas. É saber que nosso dever de educar alunos criando robôs, está sendo cumprido com louvor”, disse a coordenadora.
O coordenador da Diretoria de Tecnologia, Informação e Comunicação da Sedec, Paulo Priosti, destacou a importância da competição para os estudantes e a excelente vitória conquistada pelos alunos da Rede Municipal. “Muita dedicação dos nossos estudantes. Esse é um resultado dos investimentos que a Prefeitura Municipal tem realizado, a exemplo da compra de novos equipamentos, que resultou em destaque nacional”, disse Paulo Priosti.
As 18 equipes da Rede Municipal disputaram nas categorias Dança nível 1 e 2, Nacional de Robótica, Resgate nível 1 e 2, Futebol e Maze.
Conquistas – Em 2013, os alunos da Escola Municipal Apolônio Sales ganharam o 1º lugar na Competição Brasileira de Robótica, em Fortaleza, na categoria ‘Robocup Junior Dance Primary’. Em 2014, no Mundial de Robótica ocorrido aqui mesmo em João Pessoa, eles foram campeões da categoria ‘Super Team’, com uma equipe formada por estudantes pessoenses, além de alunos dos Estados Unidos e da Áustria.
Na RoboCup 2015, realizada na China, os alunos da Escola Municipal Apolônio Sales de Miranda, venceram a disputa no quesito ‘Interação Humana com Robô’. Em 2016, os alunos da Escola Municipal Moema Tinoco Cunha Lima conquistaram o 3º lugar na XIV Competição Latino-americano de Robótica (Larc), em Recife.
Em 2017, no Campeonato Latino-americano de Robótica, na cidade de Curitiba (PR), na categoria de Futebol, os alunos ficaram na terceira posição. Na categoria Dança foram três premiações: segundo, terceiro e quarta colocação.
Mais resultados– Ainda na manhã deste sábado (10), 14 alunos da Rede Municipal de João Pessoa participaram do Festival de Natação Sesc Gravatá, localizado na Capital. Ao final, os alunos, que fazem parte do projeto Abraçando o Esporte, da PMJP, receberam medalhas. “A gente que trabalha com a natação fica extremamente feliz em ver tantas crianças envolvidas e sentindo prazer em fazer parte desse esporte. Tenho certeza que eles terão um belo futuro”, comemorou o professor Martinho Jorge.
MaisPB

Postar um comentário

0 Comentários