Concurso para promotor substituto é neste domingo; veja orientações

Edital foi publicado no último dia 20 e está no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), convocando para a prova objetiva (preambular)
   
COMPARTILHE
A primeira prova do Concurso para Promotor de Justiça Substituto do Ministério Público da Paraíba (MPPB) vai acontecer neste domingo (9). O certame visa o preenchimento de 10 vagas na instituição. São dois locais de aplicação de provas: o Colégio Pio X e a Faculdade Internacional da Paraíba (FPB), ambos na cidade de João Pessoa, no bairro de Tambiá. A comissão do concurso divulgou um edital de convocação, que traz algumas orientações aos candidatos.
O edital foi publicado no último dia 20 e está no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), convocando para a prova objetiva (preambular). A comissão do concurso orienta aos candidatos que obtiveram a inscrição preliminar deferida que se apresentem às 8h nos locais de provas. Os portões serão fechados às 8h30 e as provas terão duração de cinco horas. A permanência mínima nos locais de provas é de três horas.
Os candidatos estão sendo informados sobre os locais nos quais farão as provas, por meio do cartão informativo, enviado por e-mail e disponibilizado no site da FCC. De acordo com o edital, o candidato que não receber o cartão até o terceiro dia que antecede a aplicação das provas ou em havendo dúvidas quanto ao local, data e horário de realização das provas, deverá entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Candidato – SAC da FCC, pelo telefone 11 3723-4388, de segunda a sexta-feira (dias úteis), das 10h às 16h, ou consultar o site.
Para a segurança do certame, entre outras medidas, a comissão esclareceu que poderão ser utilizados, a qualquer momento, detectores de metais nas salas de prova, selecionadas aleatoriamente e em qualquer dependência dos locais de prova.
Nova comissão
Após a publicação das inscrições definitivas dos candidatos, por impedimento ou por suspeição de membros, houve mudança na formação da comissão do concurso, que agora é composta pela procuradora de Justiça, Marilene Lima Campos de Carvalho (presidente) e pelos promotores de Justiça, Alexandre Jorge do Amaral Nóbrega, Ana Guarabira de Lima Cabral, Luis Nicomedes de Figueiredo Neto e Cristiana Ferreira Moreira Cabral de Vasconcelos (secretária), além do advogado George Ramalho (representante da OAB-PB).
Recomendações:
  • É importante levar o cartão informativo no dia da prova, pois ele contém dados necessários para melhor orientação do candidato.
  • Somente será admitido à sala de provas o candidato que estiver devidamente identificado;
  • Os candidatos deverão transcrever a frase contida nas instruções da capa do caderno de questões para a folha de respostas, para posterior exame grafotécnico.
  • FERNANDO COUTINHO
  • NAÇÃORURALISTA

Postar um comentário

0 Comentários