PB tem 58 açudes em situação crítica; fenômeno causa chuva, mas não recarrega mananciais

O fenômeno natural que causou um temporal e destruição no município de Bonito de Santa Fé, que fica no Sertão paraibano, a 487 km de João Pessoa, não ajudou a recarregar o principal açude do município, o Bartolomeu I, que conta com apenas 267,9 mil metros cúbicos (m³), ou 1,5%, da capacidade total de 17,5 milhões de m³. Além dele, outros 57 mananciais também estão em situação crítica, com menos de 5% da capacidade, deixando a Paraíba com apenas 441 milhões de m³ de um total de 3,7 bilhões de m³ que podem ser acumulados em todos os mananciais.

Leia também:

* Temporal causa destruição no Sertão, mas população comemora chuva; veja vídeo;
* Mais de 1,4 milhão de paraibanos vão ficar sem água se não chover no início de 2017

De acordo com a meteorologista Marle Bandeira, o fenômeno foi identificado como Vórtice Ciclônico de Altos Níveis, que já era esperado devido ao forte calor da região.

Leia mais Notícias no Portal Correio e naçãoruralista.com.br

“O que causou a chuva na região foi um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis. Essas chuvas rápidas e repentinas são esperadas para esta época do ano, que é muito quente. Porém, os estragos não foram causados pelas chuvas, mas pelos fortes ventos”, contou Marle Bandeira.

Situação dos açudes

Segundo a Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), por conta da estiagem prolongada, 58 dos 126 açudes monitorados estão com menos de 5% da capacidade de estoque. Outros 33 estão com volume abaixo dos 20% e apenas 36 reservatórios estão com mais de 20%.

A pior situação, de acordo com o presidente da Aesa, João Fernandes, é na região do Curimataú do estado, onde o abastecimento vem se complicando nos municípios de Picuí, Nova Floresta, Cuité, Barra de Santa Rosa, Algodão de Jandaíra e Remígio.

Em audiência com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, João Fernandes lembrou que dos 223 municípios paraibanos, 196 estão em colapso por falta d´água.

“Explicamos a gravidade do problema provocado pela maior seca dos últimos 50 anos e pedimos agilidade na conclusão da obra da transposição. O ministro disse que as águas do São Francisco devem chegar em fevereiro de 2017 em Monteiro. Mas, com base nos relatórios técnicos lidos e nas observações de campo que fizemos, acreditamos que isto vai acontecer mesmo em abril”, afirmou João Fernandes.
Anterior Proxima Inicio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Momenton de Reflexão

Momenton de Reflexão

Charge do Dia

Charge do Dia

MUSEU VIRTUAL DA NAÇÃO

MUSEU VIRTUAL DA NAÇÃO
GOVERNO MUNICIPAL TOMAM POSSE 1973

MERCADINHO CÂNDIDO

MERCADINHO CÂNDIDO

SUPERMERCADO REAL

SUPERMERCADO REAL

NOSSO PARCEIRO

NOSSO PARCEIRO
http://www.nacaoruralistaradiojornal.com.br/

CURTA PELO SEU CELULAR OU PORTAIS NOSSAS RÁDIOS 24H TOCANDO O QUE VOCÊ GOSTA

CURTA PELO SEU CELULAR OU PORTAIS NOSSAS  RÁDIOS 24H TOCANDO O QUE VOCÊ GOSTA

SAÚDE EM PRIMEIRO LUGAR

SAÚDE EM PRIMEIRO LUGAR

OFICINA CARRO NOVO

OFICINA CARRO NOVO

MOMENTO DE REFLXÃO DE HOJE

MOMENTO DE REFLXÃO DE HOJE
VEJA MAIS REFLEXÕES NO PORTAL NAÇÃORURALISTA.COM.BR

BAR DO DUDA

BAR DO DUDA

MOVETRO NÓS RECOMENDAMOS

BIRINO NA CAMÂRA FAZENDO O TRABALHO QUE O POVO DETERMINOU

BIRINO NA CAMÂRA FAZENDO O TRABALHO QUE O POVO DETERMINOU
VEJA NA NAÇÃORURALISTA.COM.BR

QUENTINHA DO BAR DA SAUDADE

QUENTINHA DO BAR DA SAUDADE

PARCEIRIA COM A NAÇÃO

PARCEIRIA COM A NAÇÃO

SUPERMERCADO CÂNDIDO - 50 ANOS A SERVIÇO DO POVÃO

SUPERMERCADO CÂNDIDO - 50 ANOS A SERVIÇO DO POVÃO
O MELHOR PRÊÇO FAZ A DIFERENÇA

NOSSO PARCEIRO

NOSSO PARCEIRO
O PONTO CERTO DA QUALIDADE COM BOM ATENDIMENTO

BAR E RESTAURANTE TÔ NO TRABALHO EM GURJÃO

BAR E RESTAURANTE TÔ NO TRABALHO EM GURJÃO
A NAÇÃO RECOMENDA

SUPERMERCADO REAL GURJÃO E SANTO ANDRÉ

SUPERMERCADO REAL GURJÃO E SANTO ANDRÉ
A ONDE O PRÊÇO É LEGAL

FARMÁCIA CANTALICE

FARMÁCIA CANTALICE

NOSSOS PARCEIROS

NOSSOS  PARCEIROS

SÃO JOÃO DO CARIRI RÁDIO WEB .COM

SÃO JOÃO DO CARIRI RÁDIO WEB .COM