sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Refeição fora de casa em JP é a mais barata entre capitais do NE; veja valores

Os trabalhadores de João Pessoa gastam, em média, R$ 24,05 em uma refeição completa (prato comercial com suco, uma fruta e um cafezinho) em bares, lanchonetes e restaurantes que sirvam almoço. O valor torna a refeição fora de casa, realizada em João Pessoa, a mais barata entre as capitais nordestinas. 

Leia mais Notícias no Portal Correio

Os dados são de uma pesquisa realizada pela Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador (Assert), que ouviu 5,1 mil entrevistados em 51 cidades brasileiras. 

A pesquisa coletou preços do prato feito, do prato comercial, autosserviço (refeição a quilo/preço fixo), do prato executivo e ‘a la carte’.

No Nordeste, o preço cobrado pela refeição completa em Recife é de R$ 27,16; em Jaboatão dos Guararapes, R$ 25,93; Salvador, R$ 25,45; Fortaleza, R$ 29,19; São Luís, R$ 29,57; Aracaju, R$ 28,96; Natal, R$ 24,73; Maceió, R$ 27,95; e Teresina, R$ 29,21.

Em outras cidades brasileiras, como em Florianópolis (R$ 39,93), os trabalhadores gastam até R$ 15,88 a mais com o preço da refeição completa do que em João Pessoa. 

A pesquisa também relacionou o preço da refeição mínima (prato comercial e uma fruta). Em João Pessoa, esse tipo de cardápio custa R$ 15,72 e também é o mais barato entre as capitais nordestinas. 

Em outras cidades do Nordeste, a refeição mínima é vendida em Recife, por R$ 17,36; Jaboatão dos Guararapes, R$ 14,66; Salvador, R$ 18,73; Fortaleza, R$ 18,72; São Luís, R$ 20,63; Aracaju, R$ 20,19; Natal, 17,66; Teresina, R$ 22,91; e Maceió, R$ 15,30*.
Mostra preços da refeição pelo Brasil
Foto: Mostra preços da refeição pelo Brasil
Créditos: Divulgação/Assert
Confira abaixo o preço cobrado pela refeição completa em outras capitais brasileiras:
São Paulo, R$ 27,89; Porto Alegre, R$ 21,51; Curitiba, R$ 25,49; Goiânia, R$ 26,57; Brasília, R$ 26,40; Campo Grande, R$ 22,48; Cuiabá, R$ 27,04; Belém, R$ 21,35; Manaus, R$ 29,21; Rio de Janeiro, R$ 33,66; Belo Horizonte, R$ 21,57; e Vitória, R$ 25,05.
Confira abaixo o preço cobrado pela refeição mínima em outras capitais brasileiras:
São Paulo, R$ 20,18; Porto Alegre, R$ 16,10; Curitiba, R$ 18,03; Goiânia, R$ 15,80; Brasília, R$ 18,75; Campo Grande, R$ 15,48; Cuiabá, R$ 18,96; Belém, R$ 15,57; Manaus, R$ 18,33; Rio de Janeiro, R$ 22,77; Belo Horizonte, R$ 16,19; e Vitória, R$ 17,95.
*Maceió não foi levada em consideração como a capital com a refeição mínima mais barata porque a pesquisa não encontrou o preço da fruta para complemento do cálculo total de preços (o prato comercial em Maceió custa R$ 15,30, enquanto que em João Pessoa o mesmo prato sai por R$ 11,72).

Nenhum comentário:

Postar um comentário