PB é o 3º Estado onde mais se fuma


A Paraíba é o terceiro Estado do Brasil com maior número de usuários de tabaco acima dos 15 anos, de acordo com a Pesquisa Especial de Tabagismo (Petab) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) publicada em 2010. De 2001 até este ano, 25.224 pessoas morreram com câncer, tendo como um dos fatores o tabagismo, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Hoje é comemorado o Dia Estadual de Combate ao Tabagismo e será realizada a mesa redonda “Políticas Públicas para Enfrentamento do Tabagismo”, às 8h, no Hotel Igatu, no Cabo Branco, em João Pessoa. para discutir políticas públicas de prevenção. Além disso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu restringir a comercialização de cigarros com sabor no país.

Ainda conforme a pesquisa do IBGE, 51,2% dos paraibanos usuários de qualquer derivado do tabaco planejava ou pensavam parar de fumar. Nesse caso, a Paraíba ocupava o 17º lugar entre 28 unidades federativas, incluindo o Distrito Federal. Essa pesquisa apontou que no Brasil, 24,6 milhões de habitantes fumavam, tendo a maioria, 21,5 milhões, ou seja, 87,4% que fumavam todos os dias.

Segundo a chefe do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Gerlane Carvalho, o Estado trabalha com ações preventivas do uso do cigarro e também no tratamento de pacientes que sofrem com doenças decorrentes do tabaco, fator de risco para o surgimento de alguns tipos de câncer. Na Paraíba, por ano, 2,5 mil pessoas morrem por conta do cigarro. Segundo estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca), no Estado, há 511.480 fumantes, sendo que 99.720 (19,49%) residem na Capital. Anvisa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, na última terça-feira, a norma que restringe o uso de substâncias para camuflar o cheiro e o sabor da nicotina, que conferem sabor e aroma aos produtos fumígenos comercializados no País. No entanto, alguns aditivos usados na fabricação dos derivados de tabaco permanecem na produção.

Onde tratar o câncer

No Estado, os hospitais de referência para combater os tipos de câncer relacionados ao uso do tabaco como o de pulmão, esôfago e laringe são o Napoleão Laureano, Oncoclínica e Hospital Universitário Lauro Wanderley (HU), em João Pessoa, e Hospital da Fundação Assistencial da Paraíba (Fap) e Hospital Universitário Alcides Carneiro, em Campina Grande.

A presidente Dilma Rousseff sancionou, em dezembro passado, a lei que proíbe o fumo em locais fechados e coletivos. O projeto, originário da medida provisória 540/2011, que altera a legislação sobre o fumo, foi aprovado pelos senadores no final de novembro de 2011. Com isso, fica proibido o uso de cigarros, cigarrilhas, charutos e cachimbos em ambientes fechados, os chamados “fumódromos”, tanto privado quanto públicos.

Jornal Correio da Paraíba

Postar um comentário

0 Comentários